Criar uma Loja Virtual Grátis
 O TARÔ SAGRADO DOS ORIXÁS

Rating: 2.8/5 (749 votos)



ONLINE
1






Total de visitas: 254111
ORIXÁS

O Orixá é pura energia, q se desprende de uma energia superior, q criou todas as coisas; o Orixá é energia de Deus ou Sua criação na Terra. Assim, por exemplo, Iemanjá é o Orixá das águas salgadas, do mar, e seria a energia, a força vital desse elemento da Natureza. Qdo. um filho ou filha de Santo dá passagem ao seu Orixá, uma milionésima partícula dessa energia penetra na sua cabeça. Esse é o motivo pelo qual dois médiuns podem incorporar o mesmo Orixá no mesmo lugar e ao mesmo tempo;eles só recebem uma porção muito pequena de energia e, mesmo q todas as pessoas da Terra pudessem incorporar seus diferentes Santos ao mesmo tempo, a energia de Deus é inexaurível porque Ele é o Criador sem ter sido criado.

Essa energia é o q nós chamamos o nosso Santo protetor ou líder guardião, Anjo da Guarda ou líder espiritual; e nós estamos ligados a ele, vibrando em uníssono quando nossos pensamentos são limpos, visto q a nossa composição física inclui partículas espirituais q pertencem a um determinado Orixá.

De acordo com nosso estágio evolutivo de desenvolvimento espiritual, somos designados p um certo guia, q imprime sua marca na nossa natureza e personalidade e muitas vezes, pode nos dar um arquétipo físico com determinados traços fisionômicos e corporais.

Para os africanos, Deus era Olorum (onipresente, onisciente e onipotente). Os sacerdotes O consideravam um Santo ou Orixá q não tinha imagens ou templos, visto q Ele está presente em todos os templos, em todos os sacerdotes, fiéis ou crentes, e porque, sendo pura energia, Ele não tem forma definida.

Seu representante na Terra é Oxalá ou Obatalá, q reina e governa sobre todos os Orixás e sobre o planeta Terra.

Como já foi dito os orixás são deuses africanos q correspondem a ponto de força da Natureza e os seus arquétipos estão relacionados às manifestações dessas forças. As caracteristicas de cada Orixá aproxima-se dos seres humanos, pois eles manifestam-se através de emoções como nós: raiva, ciúmes, amam em excesso, são passionais. Cada Orixá tem ainda o seu sitema simbólico particular, composto de cores, comidas, cantigas, rezas, ambientes, espaçoes fisicos e até horários.

Eles tb estão associados à corrente energética de alguma força da natureza. Assim, Iansã é a dona dos ventos, Oxum é a mãe da água doce, Xangô domina raios e trovões, e outras analogias.

No Candomblé cultuam-se muitos orixás, desconhecidos por leigos, por serem menos populares. Alguns são necessariamente cultuados, devido à ligação com trabalhos específicos q regem, para a saúde, morte, prosperidade e diversos assuntos q afligem o dia a dia das pessoas. Este deuses africanos são considerados intermediários entre os homens e Deus, e por possuírem emoções tão próximas dos seres humanos, conseguem reconhecer os nossos caprichos, os nossos amores, os nossos desejos. É muito frequente dizer-se q as personalidades dos seus filhos são consequência dos orixás q regem as suas cabeças, desenvolvendo caracteristicas iguais às destes deuses africanos.

Apresento nas páginas seguintes as descrições dos 14 Orixás mais cultuados. Recordo no entanto q existem diversas correntes no Candomblé e por essa razão as informações poderão ser diferentes de acordo com a tradição ou região.

As descrições de cada um dos Orixás são baseadas na obra: Candomblé. A panela do segredo - Pai Cido de Osun Eyin

Criar um Site Grátis Incrível  -  Criar uma Loja online Grátis  -  Sites Grátis sem Limites  -  Criar uma Loja Virtual Grátis